SAIBA PORQUE O PILATES SÓ É EFETIVO COM A ATIVAÇÃO DO POWER HOUSE

O que é Power House?

O Power House é uma nomenclatura utilizada no método Pilates que se refere ao conjunto de músculos profundos que estabilizam a coluna (lombar, torácica e cervical).

Infelizmente muitos instrutores de Pilates estão apenas preocupados com exercícios avançados e “desafiadores”, muitas vezes submetendo seus alunos à risco de lesão durante a prática.

E só estamos praticando Pilates, se houver estabilização vertebral correta, associado à respiração que o método proporciona.

Relembrando, os músculos que fazem parte do Power House, também conhecido como a casa de força, fazendo uma analogia com uma casa seriam:

Transverso do abdome (TRA): paredes externas da casa

Multífidos representados como a viga de sustentação posterior

Assoalho pélvico que é a base de sustentação

Diafragma sendo o teto.

Alguns também consideram outros músculos mais superficiais como os oblíquos internos e externos, glúteo máximo, quadrado lombar compondo o Power House.

Estes músculos quando ativados corretamente diminuem episódios de dores na coluna, incontinência urinária, melhora a postura e o equilíbrio e por isso o método Pilates é tão efetivo nas diversas queixas que recebemos nos estúdios de Pilates e proporciona os diversos benefícios que sempre citamos.

O Pré Pilates deve ser feito antes de qualquer exercício e, este inclui a ativação do Power House, não importa a terminologia que o instrutor utilize nas suas aulas, o importante é que esta contração seja feita corretamente.

Outro ponto a ser observado é que muitos instrutores de Pilates falam apenas de contrair o abdome e esquecem de solicitar a contração do assoalho pélvico.

Quando isso ocorre é realizada apenas a contração do abdome, a pressão intra-abdominal aumenta e os órgãos abdominopélvicos são deslocados inferiormente, o que pode aumentar ou até desencadear a incontinência urinária.

O assoalho pélvico quando ativado, estabiliza a coluna e a articulação sacroilíaca, estes músculos vão desde a sínfise púbica até o sacro. Há estudos que mostram que por mecanismo de contração quando ativamos este músculo é feita também a contração de TRA e multífidos.

Uma maneira do aluno entender como é a contração do assoalho pélvico é imaginar que estes músculos são como um elevador que está no térreo e que terá de subir para o primeiro, segundo ou terceiro andar.

Quanto mais alta a subida, maior contração muscular será necessária, lembrando que 30% da ativação muscular máxima já estabiliza a coluna.

Concluindo…

Como dizia o mestre Joseph Pilates “Os benefícios do Pilates só dependem da execução dos exercícios. As instruções devem ser seguidas com fidelidade “.

Por: http://blogpilates.com.br/ativacao-power-house/

This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.